SEO para programadores

SEO para programadores

Fala Dev, tudo bom?

No meu primeiro artigo do blog da agencia action play vou dar umas dicas de SEO para desenvolvedores, mas antes vamos entender o que é esse tal de SEO.

SEO (Search Engine Optmization) – Otimização de motor de Busca
Obviamente quem tem um site quer ficar bem posicionado no Google(buscador mais utilizado na web), para isso serve o SEO, que são técnicas para ajudar o seu site a ficar sempre nas primeiras posições de busca sempre lembrando que não estamos falando de Google Ads.

Como funciona o Google

Quando buscamos no Google, diferente do que todo mundo pensa, não estamos buscando diretamente na internet e sim na base de dados da empresa. Sempre que colocamos um site novo no ar, o algoritmo do Google faz uma leitura de todo o conteúdo do site. Quando o usuário faz uma busca os algoritmos vão buscar na base de dados o site com o conteúdo mais relevante para o termo buscado. Tá, mas como o Google consegue fazer isso? Existem vários fatores como: conteúdo do site, velocidade, page ranking e etc.

Bom agora vamos as dicas que eu sempre uso na hora de desenvolver um site.

Estrutura HTML

Utilize HTML5 ele vem com tags semânticas, que ajuda o algoritmo do Google a identificar o que são cada uma das coisas, exemplo: tag <header> que indica um topo do site, a tag <nav> o menu, <section> uma sessão e <article> um artigo. Logo mais irei postar falando um pouquinho sobre HTML5.

Conteúdo

Conteúdo é a peça chave para aparecer bem posicionado nas buscas. O conteúdo tem que ser relevante ao usuário, lembre-se não coloque um conteúdo para “encher linguiça”. Tem que ser algo que prenda-o a querer saber mais sobre ele. As palavras chave relevantes ao conteúdo, devem se possível usar a tag <strong> para dar mais força a palavra, mas não abuse, pois o google pode pensar que você está forçando para aparecer na frente dos concorrentes. Ah! Nunca, eu disse jamais copie conteúdo de outro site para o seu, isso é um tiro no pé ou melhor no site!

Imagens

As imagens são ótimas, elas podem indicar ao Google o que realmente se trata o conteúdo do seu site , mas use da maneira certa, dando nome correto e semântico a elas, nada de imagem1.jpg, use sempre nomes do que se trata a imagem. E não se esqueça também do alt e title, que são os títulos, da imagem. É ainda mais interessante usar o <figure> do HTML5 que dá uma estrutura melhor para as imagens, ficando assim.
<figure>
<img src="pasta/nome.jpg" alt="Descição da Imagem" title="Titulo da Imagem">
<figcaption>Descição da Imagem</figcaption>
</figure>

Arquivo sitemap.xml

Esse arquivo é um mapa do site, ele lista todas as páginas do site, para que o Google possa encontra-las, assim guiando o usuário para cada um de seus conteúdos, e páginas.

URL’s

Use sempre url’s amigáveis, mas João o que seria urls amigáveis? São url’s que não usam símbolos e caracteres que para o usuários seria algo estranho, exemplo: agenciaactionplay.com.br/p=3213&agencia e sim agenciaactionplay.com.br/blog que é mais simples para usuário compreender qual conteúdo que está na página.

Títulos e Subtítulos

Use h1, h2,h3 e h4, mas o h1 é tem que ser único, ele representa o título da página, veja como um arquivo de um livro, o h1, é o título do livro o h2 é o subtítulo, e pode ser mais de um por página, e em sequência temos os h3, que seriam os temas dos capítulos, e caso tenha necessidade, use h4 e até mais, mas lembre-se, apenas até o h6.

É isso Devs, estes são alguns dos métodos que eu uso aqui na agência para que os sites e projetos que desenvolvemos fiquem bem posicionados. Qualquer dúvida, ou métodos ou algum bug que encontrar deixa aí no comentário.
Até mais!

Infográfico vetor criado por gstudioimagen – br.freepik.com