Fala pessoal do blog da Agência Action Play, passando por aqui para contar um pouco o que as marcas estão fazendo de diferente nessa crise #coronavírus.  Tenho observado as várias formas que cada marca está ajudando os micros e pequenos empreendedores deste Brasil e hoje quero compartilhar com vocês algumas histórias,vamos?!

mlabs-agencia-actionplay1

Você já deve ter escutado falar sobre a mLabs, uma ferramenta completa para gestão de redes sociais. E com a onda do coronavírus e afim de ajudar micros e pequenas empresas a mLabs disponibilizou:
-: ONGs, entidades do bem, empresas e profissionais da área médica que estão engajados no combate ao COVID-19 terão acesso gratuito , texto Mlabs.
-: Para novos usuários: a ferramenta de agendamento de posts gratuitamente;
-: Para usuários que utilizam apenas a ferramenta de agendamento ela liberou os recursos completos como: relatório, workflow, feed, inbox, acompanhamento;
-: E para os usuários que já tinham o pacote completo ela liberou mais um perfil gratuito, ou extensão de 30 dias para um perfil,  demais não é?! Ah está liberado por 30 dias e já é uma grande ajuda.
Se você ainda não conhece a mLabs acesse aqui.

udemy-agenciaactionplay

A rede Udemy  para quem não conhece uma empresa de cursos online, abriu mais de 400 cursos gratuitos para quem deseja aprender técnicas básicas de informática. De Excel a aulas mais complexas, como programação para crianças com ferramenta do MIT. O que você está esperando corre, acesse o site da Udemy aqui

 

usp-agenciaactionplay

A USP libera 17 cursos online: Marketing, ciência da computação, design, biologia são algumas das áreas de estudo na plataforma Coursera. Para acessar é muito simples vá no google e pesquise por Coursera, ou então clique aqui para o acessar o site do Coursera. Importante quando acessar pesquisar por“Universidade de São Paulo”.

Então não tem o que ficar parado em casa empreendedores portanto vamos em busca do conhecimento neste tempo de #Ficaremcasa, compartilhe outras ações de empresas que vocês viram nas redes sociais durante essa crise.